City Tour em Alexandria

City Tour em Alexandria

O que fazer em Alexandria em 1 dia??

Fundada no séc IV a.C por Alexandre, O Grande e localizada no norte do Egito, Alexandria atualmente conta com uma população de mais de 4 milhões de habitantes e cerca de 20 km de orla (e que orla!), misturando passado e presente. A cidade fica há mais ou menos 1 hora de distância de Cairo é um dos destinos que devem ser incluídos na sua viagem ao Egito.

Mesmo sendo grande, à primeira vista, Alexandria parece ser uma mini Cairo: Com um trânsito caótico, uma ferrovia no meio da cidade (com um trem velho e caindo aos pedaços rs) e muito comércio nas ruas dividindo o espaço com os carros e o trem.
Ainda assim é possível visitar os principais pontos em 1 único dia e assim o fiz, tendo meu ponto de partida e chegada, Cairo.

Abaixo segue relato do tour por Alexandria:

Catacumbas de Kom El Shoqafa

Comecei visitando as Catacumbas de Kom El Shoqafa, um sítio arqueológico descoberto em 1900, quando um burro acidentalmente caiu no aceso e onde túmulos Alexandrinos e artefatos do antigo Império Romano fazem parte do acervo encontrado no local. É um pouco assustador descer até as catacumbas, principalmente sabendo que ali homens e animais foram massacrados por ordem do Imperador. Mas é parada obrigatória pra quem vai à Alexandria e muito bom conhecer o local que é considerado uma das 7 maravilhas do Mundo Medieval.

IMPORTANTE: É proibido fotografar no interior das catacumbas, acabei fazendo algumas fotos pois eu realmente não sabia, até ser advertido pela guia que estava acompanhando uma família. Então não fotografem!!!

[WRGF id=744]

Amud El-Sawari / Pilar de Pompeu

Esse sítio arqueológica fica no centro da cidade e diz-se por lá que o pilar foi erguido em honra ao Imperador Diocleciano. O nome foi dado por ser o local onde Pompeu, político Romano, foi enterrado no ano de 48 a.C. O pilar mede quase 30 metros de altura e o material usado é granito vermelho, vindo da cidade de Aswan (Assuão). Além do pilar, também pode-se ver as ruínas do templo de Serapeu, um dos mais importantes centros de conhecimento da época.

[WRGF id=746]

Cidadela de Qaitbay

Na minha opinião, um dos pontos altos da visita à Alexandria (claro que eu também estava louco pra ver a nova biblioteca).
A Cidadela foi construída como uma fortaleza, no século XV, pelo Sultão Qaitbey, para proteger a cidade de ataques dos Otomanos, que acabaram tomando o Egito em 1512.
O que se vê hoje é na verdade uma reconstrução da Cidadela, que agora está localizada onde ficava o famoso Farol de Alexandria.
Foi justamente aí que demorei a maior parte do tempo visitando, a fortaleza é bem grande e a vista é simplesmente maravilhosa. Você, caso vá visitar, vai entender porque demorar.

[WRGF id=751]

Abaixo um vídeo com um pouco da vista que eu tinha da Cidadela, a vontade era ficar o dia todo admirando essa beleza!!

Mesquita Abu Al-Abbas Al-Mursi

Após visitar a Cidadela e no caminho pra biblioteca, passei pela Mesquita, uma das mais bonitas que já vi, porém não entrei porque estavam em cerimônia e não tinha plena certeza se poderia entrar com bermuda curta. Mas vale parar e tirar uma foto, ela é bem bonita!

Biblioteca de Alexandria

Finalmente cheguei à famosa nova Biblioteca de Alexandria. Nova porque ela foi construída em 2002, bem próxima da antiga, destruída por causa de um incêndio. Bem tecnológica, conta com um espaço para até 8 milhões de livros e custou 65 milhões de dólares, valor bem contestado pelos egípcios na época.

Um dia inteiro seria necessário (ou não) para visitar toda a biblioteca, como não tive esse tempo todo, ou caso você fique mais tempo pela cidade, vale passar um tempo maior (não necessariamente um dia inteiro) pra aproveitar mais a estrutura. Lá tem até um café brasileiro, já dá pra se sentir um pouco em casa!

[WRGF id=762]
Abaixo no vídeo, dá pra ter uma noção da grandiosidade da biblioteca

Anfiteatro romano de Kom al-Dikka

Última parada do meu dia em Alexandria, o anfiteatro foi descoberto em 1965 durante escavações pela região. São 13 degraus de mármores que formam um semicírculo, exclusividade egípcia, sendo a única construção possuindo esse estilo diferenciado. Conta com um museu ao ar livre, onde vestígios foram descobertos e estão expostos pelo complexo, assim como fotos que contam a história de Alexandria e de todo o Egito.

[WRGF id=770]

 

Dá pra visitar tudo isso e muito mais, minha visita durou até mais ou menos 5 da tarde, quando cheguei de volta à Cairo, aproveitando o pôr do sol na cidade egípcia.
Alexandria é um banho de história e conhecimento, não deixe de visitá-la e contar depois como foi tudo!!! Aproveite!!